🔭#6 a dualidade é um ciclo

lendo o livro “manual de limpeza de um monge budista” foi que aprendi que nos templos a poeira não se acumula por mais de 24 horas. é necessário um movimento regular que visualiza e age diante o ciclo sutil de transformação diária: em que organização e bagunça coexistem a todo tempo, afinal, mesmo enquanto estamos tirando poeira, ela se acumula.

Read →